Yes Wedding

O site YW está em manutenção por conta da nova versão e em breve o login estará normalizado. Obrigada pela compreensão

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Pinterest
O Yes Wedding tem o maior prazer em receber suas sugestões, opiniões e comentários. Quanto as dúvidas individuais, conforme formos recebendo, tentaremos transformá-las em pautas de matérias futuras. Obrigada e volte sempre!

Contato

contato@yeswedding.com.br
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Pinterest

Banda SOS

   Criada em 2006 a partir da simples ideia de tocar de verdade e se entregar de corpo e alma, a Sensacional Orchestra Sonora é mais do que uma banda, afinal são na verdade três.

   Cada uma de suas formações conta com um time de músicos profissionais, altamente gabaritados e cheios de personalidade, prontos para atender qualquer estilo, tamanho ou formato de comemoração.

   Com criatividade, busca inovar no conceito de fazer música ao vivo e seu lema ‘festa sem cerimônia’ está sempre presente na alegria autêntica que leva para cada evento.

   Eles são indicados com frequência pelas assessorias mais renomadas e competentes do mercado e já tocaram em muitos casamentos de gente poderosa por aí. Sempre afinados!

   Quer colocar seus convidados para dançar? Então agende já seu horário e conheça mais sobre a SOS.


São Paulo/São Paulo

11 3661-3939 / 97644-1764

/BandaSensacional

/bandasos

4,5

685 avaliadores

459
159
52
7
6
Avalie
2
8

Resenhas

Reinaldo Gallo

12/12/13

Mas sua principal diferença está na utilização do método bespoke. O termo remonta ao século XVII, quando o cliente está loren ipsum.

Reinaldo Gallo

12/12/13

Mas sua principal diferença está na utilização do método bespoke. O termo remonta ao século XVII, quando o cliente está loren ipsum.

Reinaldo Gallo

12/12/13

Mas sua principal diferença está na utilização do método bespoke. O termo remonta ao século XVII, quando o cliente está loren ipsum.

Reinaldo Gallo

12/12/13

Mas sua principal diferença está na utilização do método bespoke. O termo remonta ao século XVII, quando o cliente está loren ipsum.